Category Archives: Carlos Vitor de Castro

Nossa amiga – Conto de Carlos Drummond de Andrade

Não é bastante alta para chegar ao botão da campainha. O peixeiro presta-lhe esse serviço, tocando. Alguém abre. – Foi a garota que pediu para chamar… Quando não é algum transeunte austero, senador ou ministro do Supremo, que atende à sua requisição. Com pouco, a solução já não lhe satisfaz. Descobre na porta, a seu… Read More »

Quando soubemos que era câncer – conto de Carlos Vitor de Castro

SK tinha problemas para fazer cocô, ela dizia que era um problema normal resolvido com os remédios de sempre. Lembro-me de uma vez em que tive um problema parecido e pedi (já que ela era hipocondríaca) um remédio para resolver e ela perguntou: “a quantos dias?”. Ela sabia lidar e sabia até qual o tipo… Read More »

O mecânico, os traficantes e o helicóptero da PM derrubado

Tião Mecânico voltava para sua casa no morro dos Macacos vindo de mais um dia de trabalho em sua oficina no Catumbi, o dia não tinha sido ruim, boa arrecadação e muitos motoristas inexperientes pagando sem bufar pela resolução de problemas simples, para um mecânico foi um dia bom. Chegando ao Boulevard 28 de setembro… Read More »

Levando uma dura esquisita – conto de Carlos Vitor de Castro

Meio da década de 80, eu tinha começado a fumar maconha e como não havia outra maneira, ia no morro comprar o bagulho, o mais próximo da minha casa era a favela da rua Espírito Santo (pecado), uma pequena escadaria nos separava do objeto de nosso vício. O traficante era o Ari, que era o… Read More »

Receita de ano novo – poema de Carlos Drummond de Andrade

Para você ganhar belíssimo Ano Novo cor do arco-íris, ou da cor da sua paz, Ano Novo sem comparação com todo o tempo já vivido (mal vivido talvez ou sem sentido) para você ganhar um ano não apenas pintado de novo, remendado às carreiras, mas novo nas sementinhas do vir-a-ser; novo até no coração das… Read More »

O PM que ganhou na mega-sena em operação na favela da Maré

Mais um dia de trabalho na vida do PM Fulano de Tal, chegou as quatro da manhã ao batalhão onde era lotado para participar de uma operação, o comando não informava o local para que os PMs corruptos não avisassem seus colegas traficantes sobre a operação. Mas é claro que num nível mais acima os… Read More »