Tag Archives: Poema de Gilka Machado

Impressões do gesto – Poema de Gilka Machado

A uma bailadeira A tua dança indefinida, que me retém extática, surpresa, guarda em si resumida a harmonia orquestral da natureza, a euritmia da Vida. (…) Danças, os membros novamente agitas, todo teu ser parece-me tomado por convulsões de dores infinitas… E desse trágico crescendo de gestos que enchem o silêncio de ais, vais smorzando,… Read More »